Notícias

Prefeitura de Goiânia recupera, em tempo recorde, quatro vias danificadas por chuvas

A Prefeitura de Goiânia, por meio da Secretaria Municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos (Seinfra), concluiu a recuperação asfáltica de quatro importantes vias da capital. Mais de 30 operários foram mobilizados na realização dos serviços. A mobilização envolveu uso de 90 toneladas de concreto asfáltico. “Temos que dar respostas rápidas para as urgências do município”, diz o prefeito Iris Rezende. As localidades mais afetadas foram avenidas Anhanguera, próximo ao terminal Padre Pelágio; Castelo Branco com a Rua Pirineus, no Bairro Ipiranga; ruas C-49 e C-50, no setor Sudoeste.

O serviço de reconstrução do pavimento foi necessário após técnicos da prefeitura constatarem estragos no asfalto por conta da última tempestade. “Percebemos que mais de 1.000 m² de asfalto foram arrastados pelas águas, deixando as vias praticamente intransitáveis”, disse o engenheiro e gerente de conservação de malha viária da Seinfra, Marco Antônio.

De acordo com o prefeito Iris Rezende, o município se esforça para retomar empréstimo junto ao Banco Andino tendo em vista realizar obras de recapeamento de 630 quilômetros de vias. “São estruturas antigas, que têm mais de 50 anos”, afirma o prefeito. A idade longa, segundo avalia, faz com que o município utilize equipes permanentes para refazer o asfalto em função das fortes chuvas. “Trabalhamos dia e noite”, destaca.

Iris lembra que, em gestões anteriores, se viu diante de “praticamente metade de Goiânia sem asfalto” e que fez questão de cumprir promessa de campanha que resultou na pavimentação de 134 bairros. A meta, agora, é asfaltar outros 31 que surgiram no município a partir de sua última gestão, em 2010.

Força-tarefa

Para o secretário municipal de Infraestrutura, Dolzonan da Cunha Mattos, a pasta executa serviços de tapa-buracos em todas as regiões de Goiânia. “Trabalhamos, continuamente, com 120 homens distribuídos em 15 equipes espalhadas por toda a cidade. Em média, recuperamos cerca de um 1.000 buracos por dia e utilizamos cerca de 150 toneladas de massa asfáltica na melhoria da malha viária”, pontua.

De acordo com o gestor, o serviço de emergência do órgão atuou de forma rápida e eficaz para evitar maiores prejuízos decorrentes das fortes chuvas que castigam Goiânia. “Graças ao ótimo desempenho de nossas equipes, os serviços foram executados rapidamente de forma segura e com qualidade”, finaliza.

Botão Voltar ao topo
Fechar

AdBlock detectado!

Nosso site exibe alguns serviços importante para você usuário, por favor, desative o seu AdBlock para podermos continuar e oferecer um serviço de qualidade!