DestaquesPolítica

Caiado destaca ações do Governo de Goiás para melhorar cadeia produtiva do leite

Fala do governador foi na abertura do 21º Interleite Brasil, evento que reúne pecuaristas do país inteiro para debater investimentos no setor

Com a sexta posição de Goiás no ranking nacional de produção de leite, o governador Ronaldo Caiado destacou a importância do setor para economia goiana e o trabalho da gestão para incentivar seu crescimento contínuo. “Somos respeitados internacionalmente pela capacidade de produção e qualidade do produto. Que a tecnologia continue sendo instrumento de fortalecimento. Como médico e produtor rural, acredito que é na pesquisa, na ciência e no conhecimento que vamos disputar de igual para igual com o mundo”, destacou o chefe do Executivo, durante o 21º Interleite Brasil, evento que começou hoje (02/08) no Centro de Convenções, em Goiânia, e segue com programação até amanhã (03/08).
O governador destacou a vocação empreendedora dos representantes, que têm absorvido todos os avanços tecnológicos para atender cada vez mais as exigências do mercado. Em contrapartida, o Estado cumpre sua parte no zelo com os impostos, que são revertidos em investimentos em áreas fundamentais, como infraestrutura e segurança pública. “A segurança rural de Goiás, modéstia à parte, é a melhor do país, copiada até por outros países. Hoje temos nossas propriedades georreferenciadas, com capacidade de inibir qualquer crime e deixar com que as pessoas vivam tranquilamente, trabalhando em paz”, afirmou.
Caiado aproveitou a presença de diversos players do segmento para conclamar o envolvimento no debate sobre a Reforma Tributária, uma vez que a aprovação do texto irá gerar grandes impactos. “É importante trazer também a visão do leite. Não só na produção, mas na área social. Temos grandes desafios pela frente para garantir qualidade de vida e cidadania para todos, inclusive para os que não vivem dentro da cidade”, ponderou. “Ele vive com todas as dificuldades que tem que enfrentar no dia a dia, dentro da sua propriedade rural. E essa é a parte que, como governador, eu tenho me dedicado enormemente”, acrescentou.
Evento
O InterLeite Brasil 2023 é o maior da cadeia produtiva do leite no país e tem como tema “A estratégia de negócios chegando à produção de leite”. O evento conta com uma feira de negócios e também diversas palestras que tratam de estratégias de negócios na produção leiteira, combinada com a questão ambiental e energética. “O Sindleite é um apoiador dessa disseminação de conhecimento. Quanto mais cabeças pensantes estiverem juntas, mais eficiência teremos, e sairemos mais rapidamente de qualquer crise ou da impossibilidade de criar movimentos novos”, pontuou o presidente do sindicato, Jair José Antônio Borges.
Serão realizados quatro painéis para debater o ambiente e as estratégias de negócios na produção primária, sustentabilidade (agricultura regenerativa, bioinsumos e geração de energia) e rentabilidade das propriedades familiares. “Essa troca é enriquecedora, principalmente para nós goianos e produtores. Para que a gente possa sair daqui de um evento como esse e levar para dentro das nossas propriedades soluções discutidas”, frisou o superintendente do Serviço Nacional de Aprendizagem Rural em Goiás (Senar Goiás), Dirceu Borges.
Um destaque foram os números do censo agropecuário do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), que mostram que entre 2006 e 2017 a quantidade de pecuaristas de leite no país caiu 13%. Saiu de 1,350 milhão para 1,176 milhão. No entanto, a produção mais que dobrou entre 1990 e 2021. Passou de 14,48 bilhões de litros por ano para 35,30 bilhões, uma expansão de 143,7%. Demonstração clara de que investimentos em tecnologia e genética aumentaram a produtividade do rebanho, mesmo com menor número de pecuaristas.
A Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento de Goiás (Seapa), que é parceira na organização do evento, tem uma equipe técnica na programação e também orienta pecuaristas durante o evento. “Ronaldo Caiado é uma pessoa importante dentro do agro brasileiro. Vem liderando essa luta há muitos anos e é um dos governadores mais envolvidos com a nossa atividade rural”, reconheceu o presidente da Associação Brasileira dos Produtores de Leite (Abraleite), Geraldo Borges.
Fotos: Wesley Costa
Secretaria de Comunicação – Governo de Goiás
Botão Voltar ao topo
Fechar

AdBlock detectado!

Nosso site exibe alguns serviços importante para você usuário, por favor, desative o seu AdBlock para podermos continuar e oferecer um serviço de qualidade!