Caiado diz que bancada eleita garante governabilidade e apoio para as transformações que o Estado precisa

16 de outubro de 2018
O governador eleito, Ronaldo Caiado (Democratas), afirmou hoje que a bancada de deputados eleita em 7 de outubro permitirá sua governabilidade e a efetivação das transformações necessárias no Estado. Ronaldo Caiado falou sobre o assunto logo antes de se reunir com os 18 deputados estaduais eleitos dentro sua coligação, ontem (15/10), em Goiânia. Na sua visão, tanto os parlamentares que comporão a Assembleia Legislativa quanto os que estarão na Câmara dos Deputados e no Senado Federal estarão juntos para lutar pelas reivindicações de Goiás e pela aprovação das ações do seu plano de governo. O governador eleito ainda anunciou que definirá sua equipe de transição até a próxima semana.
A reunião de ontem, conforme Caiado, foi organizada para que ele pudesse agradecer todo o apoio recebido ao longo da campanha, determinante para a conquista da eleição no primeiro turno.
“O objetivo (da reunião) foi convidar todos aqueles que participaram conosco da nossa aliança partidária, que foi fundamental para poder consolidar a minha candidatura. Tivemos um resultado extremamente favorável, o que dá a nós condições de ter governabilidade, de ter uma bancada capaz de aprovar (o plano de governo) na Assembleia Legislativa e também organizar o Estado para podermos fazer as mudanças necessárias. Na Câmara dos Deputados, numa bancada de 17, fizemos oito deputados federais, o que nos dá uma força enorme também junto às decisões em Brasília. E, dos três senadores (da bancada de Goiás), tivemos a fala do senador Vanderlan também simpático a apoiar o nosso projeto de governo. Como tal, teremos uma bancada completa para defender o Estado de Goiás nas suas reivindicações”, ponderou.
Sobre a eleição à presidência da Assembleia, Caiado disse que vai ouvir e dar suporte a decisão dos deputados estaduais. “Vou ouvir todos os deputados. O que vai prevalecer é o sentimento da Casa. Eles (deputados) têm que ter uma total liberdade nessa decisão e com total harmonia junto com o Executivo para fazermos essa mudança a partir de 1º de janeiro. Neste momento, o meu foco principal é a transição de governo. É saber a realidade em que se encontra o Estado de Goiás. Vejo com bons olhos os nomes dos 41 deputados estaduais; não tenho restrição a qualquer um deles”, explicou.
Transição
Sobre sua equipe de transição, Ronaldo Caiado disse que será 100% técnica com foco para resgatar a função do Estado de atender o cidadão.
“Estou extremamente dedicado agora a buscar uma equipe capaz de fazer a transição para que a gente tenha a (o quadro) realidade do Estado de Goiás. A equipe de transição terá duas vertentes: uma do sentido político de conversar com as pessoas; agora, o objetivo dessa equipe é ser 100% técnica. Você tem que compatibilizar a realidade fiscal do governo mais a reforma administrativa a ser feita. Eu espero fazer um governo que mostre austeridade cada vez maior no gasto público com resultado para o cidadão. É transformar o Estado na sua função e não ser utilizado para atender interesses político-pessoais. Espero, até o começo da próxima semana, já ter esse assunto (equipe de transição) concluído”, revelou.
Ronaldo Caiado também reforçou seu apoio a Jair Bolsonaro, que, na sua visão, é o único presidenciável neste segundo turno que traz esperança ao povo brasileiro.
“É a única mensagem que traz esperança ao povo brasileiro, porque o outro candidato nós sabemos o que eles fizeram durante 13 anos. Acho que nenhum brasileiro deseja mais repetir aquele desastre que vivemos durante todo esse período. Agora é hora de buscarmos uma alternativa para o governo com uma boa equipe instalada com a vitória do Bolsonaro no dia 28 de outubro e, com isso, viver um novo momento para o Brasil”, concluiu.