Coluna

Senadores de Goiás: Senadores complicados – Indicação do Ministro Flávio Dino para o STF?

Em meio à indicação do ministro da Justiça, Flávio Dino, para ocupar a vaga no Supremo Tribunal Federal (STF), senadores de Goiás, Jorge Kajuru (PSB) e Vanderlan Cardoso (PSD), são questionados sobre possíveis "rabos presos" que podem influenciar seus posicionamentos

A indicação do ministro da Justiça, Flávio Dino, para ocupar uma cadeira no Supremo Tribunal Federal (STF) gerou reações distintas entre os senadores por Goiás. Enquanto Jorge Kajuru (PSB) se posiciona de forma enfática, declarando voto “sim” e enaltecendo a integridade do indicado pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), Vanderlan Cardoso (PSD) adota uma postura mais cautelosa.

Kajuru, que é vice-líder do governo no Senado, não economizou elogios a Flávio Dino, chamando-o de “homem sério, digníssimo, de uma história e de uma honradez irretocáveis”. No entanto, críticos questionam se há algum tipo de “rabo preso” por trás de sua declaração tão veemente, levantando dúvidas sobre a independência de seu voto.

Já Vanderlan Cardoso, ao afirmar que é cedo para decidir, destaca que aguarda a visita do ministro em seu gabinete e que pretende analisar a sabatina na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) antes de se posicionar. A postura cautelosa do senador também levanta indagações sobre possíveis compromissos políticos que poderiam influenciar sua decisão, deixando a pergunta no ar: haveria um “rabo preso” por trás da espera por uma visita e da análise da sabatina?

O presidente da CCJ, Davi Alcolumbre, planeja realizar uma contagem de votos para avaliar a temperatura da indicação antes da oficialização do nome.

A iminência da sabatina na CCJ coloca em evidência as posições dos senadores, suscitando dúvidas sobre a independência de seus votos ou se há, de fato, algum “rabo preso” que poderia influenciar o futuro do ministro Flávio Dino no STF.

Botão Voltar ao topo
Fechar

AdBlock detectado!

Nosso site exibe alguns serviços importante para você usuário, por favor, desative o seu AdBlock para podermos continuar e oferecer um serviço de qualidade!